Desejos de mãe

Este post é candidato ao concurso “O melhor post do mundo da Limetree”,

Posso te pedir um favorZÃO? Acesse e curta a fanpage da Limetree, e clique em VOTAR para ajudar eu e maridão a ganhar este concurso!
É só clicar aqui



Quando a Isa estava com alguns meses, vi uma reportagem mostrando o ataque que um rapaz em SP sofreu de um grupo quando ele estava na frente de uma danceteria. Não sei se vocês lembram.

As cenas que seguiram eram horríveis. O que se via era um grupo de monstros espancando aquele rapaz.


Mas o que mais me chamou atenção foram as outras pessoas que apareceram no vídeo. Tinham várias pessoas passando pela rua, além do segurança da danceteria. Todas elas viram, acompanharam aquilo tudo, mas nenhuma delas ajudou aquele rapaz.
 
 
Aquilo mexeu muito comigo a ponto de me fazer chorar. Chorei muito. Chorei de tristeza.
 
 
Não conseguia entender a falta de ação das pessoas diante daquela cena. A covardia de quem batia e a covardia dos que se calaram sentenciaram aquele rapaz a uma vida de vegetal. Estado esse em que se encontra até hoje.
 
 
Os que bateram foram identificados pelas câmeras de vídeo e presos. Realmente não sei se continuam presos até hoje. Espero que sim. Os que se calaram também tiveram seus rostos filmados. E é só.
 
 
Depois que acabou a reportagem subi para dar de mamar à Isa. Peguei ela no colo e chorei novamente. E enquanto chorava, comecei a pensar em todos os sonhos e desejos que eu tinha para a vida longa e saudável dela.
 
 
Claro que como mãe já tinha desejado muitas coisas boas para ela, mesmo antes dela nascer. Mas aquele fato trágico me fez desejar, mais do que nunca, que minha filha fizesse diferença nesse mundo. Que fizesse diferença na vida das pessoas, não importa a realidade ou situação em que elas se encontrem.
 
 
Hoje, quase quatro anos depois e mais um filho, é natural que minha lista tenha crescido...
 
 
Eu realmente desejo que Isabela e Davi façam diferença por onde quer que passem.


Desejo que sejam pessoas legais, gentis e educadas.
 

Desejo que respeitem os mais velhos e que aprendam com eles.

 
Desejo que construam uma família e que dê valor à ela. Que sejam pais amáveis e dedicados e que seus filhos sejam como flechas, assim como diz o salmista em Sl 127: 3-5

 
Desejo que tenham um marido e uma esposa que os ama, os respeita e os admira.

Desejo que saibam priorizar o que realmente deve ter priotidade, e que não percam tempo nem tão pouco saúde atrás de coisas fúteis.

 
Desejo que saibam reconhecer suas falhas e principalmente aprender com elas.

 
Desejo que vejam a vida com leveza, mas que a vivam de forma intensa!

 
Desejo que sejam sensíveis e que saibam demonstrar e lidar com seus sentimentos.

 
Desejo que tenham bom humor! Sempre!

Desejo que se tornem profissionais e executem suas tarefas com excelência. Aliás, que a excelência seja uma busca em qualquer coisa que queiram fazer.

Desejo que saibam lutar pelos seus sonhos.

Desejo que saibam dizer não quando for preciso.

Desejo que respeitem as diferenças e escolhas dos outros.

Desejo que sejam inteligentes. Psíquica e emocionalmente (principalmente).

Desejo que saibam lidar com o dinheiro. Que entendam quem é o dono de quem!

Desejo que tenham bons amigos e fiéis.

Desejo que amem e respeitem a natureza.

Desejo que se amem, que se conheçam e conheçam seus dons.

Desejo que sejam pessoas corajosas, intrépidas e que a humildade faça parte do seu dia-a-dia.

Desejo que amem os outros. Que aprendam que o perdão e a compaixão devem ser praticados diariamente.

Desejo que saibam que podem contar com a mamãe e com o papai sempre!

Mas acima de tudo isso, que entendam o amor de Deus e conheçam Seus sonhos para a vida deles. E que não aceitem nada menos que isso: a vontade de Deus sobre suas vidas!




Será que é pedir muito?!?!


*Publicado originalmente em 09/11/11

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Ocorreu um erro neste gadget

  © Mulher, Mãe, Filha e Cia

Design by Emporium Digital